Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
5

Teresa Morais diz que reforma do Estado será feita

A secretária de Estado dos Assuntos Parlamentares e da Igualdade, Teresa Morais, defendeu este sábado, em Mineola, Estados Unidos da América, que "nem todos estão disponíveis" para debater a reforma do Estado, mas que ela "não deixará de se fazer."
2 de Março de 2013 às 19:47

Perante cerca de 150 representantes da comunidade portuguesa, a responsável disse que o Governo tem "obrigação de executar e cumprir" o programa assinado com a "troika", mas que tem de se avançar com a reforma do estado.

"O tempo em que o Estado se via como o grande empregador, que podia dar tudo a todos, está ultrapassado", disse a secretária de Estado.

Teresa Morais diz que a reforma deve desenhar-se ao redor de "um núcleo essencial de obrigações" e que o Estado deve "deixar de funcionar como uma unidade omnipresente na sociedade portuguesa, com custos que não pode pagar".

Sem nomear partidos, a secretária de Estado disse que a oposição "não apresenta alternativas" e que, quando o faz, é com "uma mão cheia de nada ou [então propõe] os mesmos erros que foram cometidos no passado."

Nunca se referindo às manifestações que este sábado aconteceram nas principais cidades do país, Teresa Morais atribuiu as responsabilidades da crise a várias décadas em que "o país viveu acima das suas possibilidades", e a um período de governação em que "foram celebrados negócios ruinosos para o Estado".

Acompanhada pela deputada da emigração fora da Europa, Maria João Ávila, a secretária de Estado, visitava a comunidade portuguesa de Long Island a convite do senador estadual Jack Martins, de Nova Iorque.

A secretária de Estado está em Nova Iorque para participar na 57.ª Sessão da Comissão do Estatuto das Mulheres das Nações Unidas, com início no dia 04 de março, dedicada ao tema "Eliminação e prevenção de todas as formas de violência contra as mulheres e raparigas".

Teresa Morais secretário de Estado Mineola reforma
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)