Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
9

UE SEM ALTERNATIVA

Valéry Giscard d'Estaing mostrou-se ontem optimista quanto à adopção do projecto de Constituição elaborado pela Convenção sobre o Futuro da Europa, à qual presidiu, considerando que a União Europeia "não tem alternativa".
8 de Outubro de 2003 às 00:00
Giscard d'Estaing está optimista quanto à Constituição
Giscard d'Estaing está optimista quanto à Constituição FOTO: Gerard Cerles
"Estou optimista, porque não há alternativa e porque os europeus esperam que a Europa se construa", declarou d'Estaing à Imprensa francesa. O antigo presidente francês adiantou, ainda, que o projecto de Constituição "não é um compromisso, é a única solução que encontrámos" e considerou normal as divergências surgidas no seio da Conferência Intergovernamental (CIG), que terá a palavra final sobre o texto.
A CIG iniciou os seus trabalhos no passado sábado e a presidência italiana da UE gostaria de os ver concluídos até ao final do seu mandato, ou seja, até ao fim de Dezembro. O calendário da CIG tem sido alvo de alguma discórdia entre os Estados-membros, com alguns deles a quererem mais tempo para debater o documento e ontem o vice-primeiro-ministro italiano, Gianfranco Fini, admitiu que os trabalhos se poderão prolongar pelo primeiro semestre do próximo ano.
"Não é grave que os trabalhos não terminem na presidência italiana, desde que o tratado seja assinado até Março", declarou Fini.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)