Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
7

Vereador da Câmara Municipal de Aveiro renuncia a mandato

O vereador Miguel Fernandes, eleito pelo CDS-PP na Câmara de Aveiro nas eleições de 2009, renunciou esta segunda-feira ao mandato na autarquia, três meses após o presidente da câmara, Élio Maia, lhe ter retirado os pelouros.

17 de Outubro de 2011 às 19:03
Miguel Fernandes acusa Élio Maia de não querer discutir o assunto nas reuniões camarárias
Miguel Fernandes acusa Élio Maia de não querer discutir o assunto nas reuniões camarárias FOTO: d.r.

O político referiu num comunicado que esta é a “única solução possível para impedir a tentativa perversa e anti-democrática da instrumentalização política” da sua pessoa “para fins partidários e ilegítimos”.

Miguel Fernandes será substituído por Maria Teresa Robocho Christo, educadora de infância, que ocupava o oitavo lugar na lista da coligação PSD/CDS-PP ‘Juntos por Aveiro’.
 
Fernandes e a vereadora Ana Vitória Neves ficaram sem pelouros no passado mês de Julho, na sequência do chumbo do contrato de entrega da gestão do estádio do Euro 2004 ao Beira-Mar e perderam a confiança política dos dois partidos mas afirmaram que pretendiam exercer o mandato até ao fim. 

Os dois políticos alertaram para possíveis ilegalidades relacionadas com a retirada de pelouros mas as várias tentativas de discutir o problema nas reuniões camarárias forma sempre sendo adiadas e esta conduta “expressa uma cumplicidade na perpetuação de um vício cometido pelo actual presidente da Câmara” e revela “total falta de respeito democrático” pelos seus direitos e interesses. 

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)