Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
1

Zorrinho: Passos preso ao "escritório de contabilidade" de São Bento

O líder parlamentar do PS afirmou esta segunda-feira que o primeiro-ministro tem cada vez maior dificuldade em sair do "escritório de contabilidade" que montou em São Bento, acusando o Governo de arrogância e de distorção sistemática da verdade.
16 de Abril de 2012 às 10:46
Carlos Zorrinho lança criticas a Passos Coelho
Carlos Zorrinho lança criticas a Passos Coelho FOTO: Reuters

Carlos Zorrinho falava na sessão de abertura das Jornadas Parlamentares do PS, que até terça-feira decorrem em Bragança e que são dedicadas aos temas do crescimento e do emprego.

"O primeiro-ministro e o Governo têm cada vez maior dificuldade em sair do escritório de contabilidade que montaram em São Bento e em confrontarem-se com a realidade do terreno", disse, antes de deixar um apelo ao executivo PSD/CDS no sentido de que abdique "da sua arrogância política".

"Este Governo está cada vez mais isolado e mostra-se arrogante, sem capacidade de diálogo construtivo com os parceiros sociais e com o PS", afirmou, dando como exemplos as mais recentes divergências com socialistas em torno da aprovação de uma adenda sobre crescimento e emprego ao Tratado Orçamental da União Europeia.

Carlos Zorrinho fez ainda um segundo apelo ao Governo, este no sentido de que vá ao terreno "ver as consequências da sua política de flagelação aos portugueses".

"O ajustamento da economia portuguesa dever ser um objectivo colectivo e não um caminho de empobrecimento e de desistência em relação ao futuro", contrapôs o líder da bancada socialista.

O presidente do Grupo Parlamentar do PS acusou ainda os partidos da maioria governamental, o PSD/CDS, de "sistemática distorção da verdade", método político que disse ter sido utilizado já no ano passado "quando houve uma coligação contra natura com o PCP, Bloco de Esquerda e Os Verdes para forçarem Portugal a pedir ajuda externa".

"Essa distorção da verdade prossegue hoje quando o Governo fala sobre medidas como a suspensão das reformas antecipadas ou sobre os cortes dos subsídios de férias e de natal. O Governo está a quebrar a relação de confiança com os cidadãos", considerou Carlos Zorrinho.

pedro passos coelho carlos zorrinho ps psd são bento
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)