Correio da Manhã

Grupo de turistas salvo de praia isolada em Lagoa
Foto Direitos Reservados
Foto Direitos Reservados
Polícia Marítima
Por José Carlos Eusébio | 08:46
  • Partilhe
Subida da maré deixou presos três adultos e um bebé.

O grupo de turistas aproveitou a descida da maré para caminhar, junto às arribas, até a um pequeno areal, a poente da praia de Albandeira (Lagoa). Mas, quando a água subiu as duas mulheres, um homem e um bebé acabaram por ficar presos. O caso aconteceu ao final da tarde de segunda-feira, e o grupo foi resgatado pela tripulação da Estação Salva-Vidas de Ferragudo.

Após o piquete da Polícia Marítima de Portimão ter recebido o alerta para a existência de pessoas isoladas pelo mar numa praia, o comandante da capitania, Ricardo Santos Arrabaça, mobilizou para o local uma embarcação salva-vidas e uma moto de água de salvamento.

Os turistas foram encontrados bem de saúde pela tripulação do salva-vidas de Ferragudo, mas numa situação de perigo devido à subida da maré e ainda por estarem na faixa de risco de desmoronamento da arriba.

Devido às condições do mar (havia alguma agitação), foi decidido resgatar os três adultos e o bebé, com cerca de 2 anos de idade, com uma moto de água, sendo transportados para a praia de Albandeira. A operação decorreu com sucesso, saindo os turistas ilesos da situação.

PORMENORES
Meios de apoio
Na operação de resgate, a tripulação do salva-vidas de Ferragudo contou com a colaboração dos dois nadadores-salvadores da praia da Albandeira, bem como da moto de água que se encontra a operar na praia vizinha de Benagil.

Alerta para riscos
Além da recomendação aos banhistas para evitarem zonas que podem ficar isoladas pelo mar, a Autoridade Marítima alerta que o risco de derrocada das arribas é permanente, pelo que deve ser mantida uma distância de segurança das falésias.

Siga o CM no Facebook.

  • Partilhe
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE