Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

1,36 milhões para obras no Castelo de Monsaraz

Apoio financeiro comunitário atribuído a projeto chega a 75% dos custos orçamentados.
Pedro Galego 29 de Julho de 2018 às 09:33
Castelo de Monsaraz
Castelo de Monsaraz
Castelo de Monsaraz
Castelo de Monsaraz
Castelo de Monsaraz
Castelo de Monsaraz
Já arrancaram as obras de requalificação do Castelo de Monsaraz, que permitem finalizar a recuperação estrutural das muralhas da vila medieval e criar um percurso pedestre no interior e no exterior do monumento, junto à Barbacã, com ligação ao Centro Interativo da História Judaica em Monsaraz. O projeto tem um valor de 1,36 milhões de euros, 75 por cento dos quais financiados por fundos comunitários.

Segundo o município de Reguengos de Monsaraz, as intervenções têm como objetivo "recuperar e preservar o património, mas também assegurar a sua promoção e dinamização, valorizando-o e reforçando a cultura como um fator de desenvolvimento". As obras, que vão demorar cerca de um ano e prometem dar nova vida a Monsaraz, integram ainda a reabilitação do caminho da Barbacã exterior e reabertura da Porta Sul do castelo e a sua ligação à Barbacã Sul, bem como a recuperação do pátio da Casa da Inquisição e a sua união ao castelo, entre outras intervenções. As obras vão permitir aos visitantes circular em volta de todo o castelo, algo que não é possível na atualidade.

"Com a implementação deste projeto resolvem-se as necessidades prementes de consolidação dos paramentos do castelo, articulando-se esta operação de conservação com a restituição à vila histórica de uma parte muito significativa do antigo caminho das fortificações exteriores", frisa a autarquia. As fortificações estão classificadas como Monumento Nacional desde 1946, tendo sido aumentada a sua abrangência em 1971 a todo o conjunto medieval intramuros da vila. Recebe cerca de 80 mil visitantes por ano.
Ver comentários