Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

150 candidatos a apoios agrícolas depois do fogo em Monchique

Candidaturas abertas até 31 de outubro e há técnicos para ajudar a preencher documentos.
Diana Santos Gomez 12 de Outubro de 2018 às 08:58
Chamas lavraram pelos concelhos de Monchique, Portimão e Silves há mais de dois meses afetando muitos agricultores
Bombeiros
Bombeiros
Bombeiros no combate às chamas
Chamas lavraram pelos concelhos de Monchique, Portimão e Silves há mais de dois meses afetando muitos agricultores
Bombeiros
Bombeiros
Bombeiros no combate às chamas
Chamas lavraram pelos concelhos de Monchique, Portimão e Silves há mais de dois meses afetando muitos agricultores
Bombeiros
Bombeiros
Bombeiros no combate às chamas
Os agricultores lesados pelo incêndio que atingiu, há mais de dois meses, os concelhos de Monchique, Portimão e Silves, já apresentaram 150 candidaturas ao Ministério da Agricultura, no âmbito do Programa comunitário de Desenvolvimento Rural, PDR 2020 - uma medida de apoio ao restabelecimento do potencial produtivo - apurou o CM.

O ministério liderado por Luís Capoulas Santos, compromete-se a proceder, até 30 de Novembro, à verificação dos prejuízos e avaliação das respetivas candidaturas, segundo a portaria 270/2018. No que respeita ao cálculo de perdas, para se candidatar a este programa, cada agricultor tem de ter, no mínimo, 100 euros de prejuízo e, até 800 mil euros, desde que comprovado, o Estado apoia, total ou parcialmente (85% a 50%), consoante os montantes em causa - até cinco mil euros a comparticipação é total.

Os agricultores podem efetuar as candidaturas até 31 de outubro. Caso necessitem de ajuda no preenchimento da documentação, os interessados podem recorrer a técnicos que estão colocados, por exemplo, na Caixa de Crédito Agrícola, em Monchique.

Os 5 milhões de euros de orçamento para ajudar os agricultores afetados prevê a recuperação de instalações, equipamentos, maquinaria, animais e culturas permanentes, nomeadamente, olivais, vinhas e pomares plantados.

O Ministério da Agricultura adiantou ao CM que a verba de 5 milhões de euros pode ser reforçada caso seja insuficiente, para que nenhuma candidatura seja rejeitada por falta de orçamento.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)