Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
5

350 mil euros para novo crematório em Almeirim

Equipamento vai ficar instalado dentro do cemitério da cidade. O edifício vai ser construído de raiz.
João Nuno Pepino 2 de Abril de 2017 às 10:05
O crematório de Almeirim vai ser edificado no cemitério e a autarquia prevê recuperar o investimento em 10 anos
O crematório de Almeirim vai ser edificado no cemitério e a autarquia prevê recuperar o investimento em 10 anos FOTO: Direitos Reservados
O crematório de Almeirim vai ser uma realidade a médio prazo e terá um custo que rondará os 350 mil euros. Quem o garante é o presidente da câmara local, Pedro Ribeiro, explicando que o projeto "está já numa fase avançada, tendo em vista a sua concretização".

Segundo os números já apurados, o custo do equipamento deverá rondar os 350 mil euros, repartidos a meias entre a construção de raiz do edifício dentro do cemitério, que se situa no centro da cidade, e a aquisição do forno de cremação e restantes equipamentos. O concurso público será lançado após os serviços do município concluírem o projeto.

Uma vez que não são admissíveis candidaturas a fundos europeus para este tipo de equipamentos, o investimento será suportado na totalidade pelos cofres do município. Contudo, segundo Pedro Ribeiro, a Câmara espera recuperar o dinheiro num prazo máximo de 10 anos, através da rentabilização do funcionamento do crematório.

A gestão vai ser entregue à Junta de Freguesia de Almeirim, que pagará à câmara uma verba anual para ir amortizando o investimento. "A estrutura financeira do projeto e a forma como vamos conceder a sua exploração são alguns dos aspetos que ainda estão a ser desenhados", explicou o autarca ao CM.

Quando estiver em funcionamento, o crematório de Almeirim será o primeiro do Ribatejo e uma alternativa viável para as famílias que optam por este tipo de cerimónias fúnebres. Os crematórios mais próximos localizam-se em Lisboa ou na Póvoa de Santa Iria, no concelho de Vila Franca de Xira.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)