Arouca está há 20 anos à espera de via rápida

Falta concluir 15 quilómetros para ligar concelho ao nó da A32 em Santa Maria da Feira.
Por Nelson Rodrigues|04.02.17
Arouca está há 20 anos à espera de via rápida
Arouca cresceu nos últimos anos. População e autarcas anseiam por ligação ao nó da A32, em Santa Maria da Feira Foto Sérgio Lemos
A vila de Arouca não dispõe de ligações aos grandes eixos rodoviários nem às grandes cidades. Há cerca de 20 anos que a vila espera ter uma via rápida, cujo objetivo seria fazer a ligação do concelho ao nó da A32, em Santa Maria da Feira. Aliás, para haver esta variante, falta apenas concluir a obra em 15 quilómetros.

"Arouca precisa disso", referiu ontem Emídio Sousa, presidente do Conselho Metropolitano do Porto, que acrescenta que a realização da variante é prioritária, "absolutamente crucial e necessária". O também autarca de Santa Maria da Feira garante que deverá ser anunciado na próxima semana o lançamento do concurso para a empreitada.

A variante Arouca-Feira já foi prometida por diferentes governantes, mas a verdade é que esta ligação tem sido constantemente adiada, apesar de a autarquia já se ter disponibilizado formalmente para substituir a comparticipação financeira do Estado. Emídio Sousa refere ainda que para a obra avançar é necessário "insistir" junto de decisores políticos. Numa conferência de imprensa, Emídio Sousa falou ainda da Linha do Vouga, cujo troço principal é o que liga Espinho a Oliveira de Azeméis, através da Feira e de São João da Madeira. "Este é um projeto que toda a região reclama", afirmou.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!