Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Bactéria proíbe banhos em praia de Portimão

Níveis elevados de coliformes fecais obrigaram autoridades a içar bandeira vermelha.
Ana Palma 28 de Agosto de 2019 às 09:21
Bandeira vermelha foi içada na praia do Barranco das Canas e o areal ficou praticamente vazio
Praia
Bandeira vermelha foi içada na praia do Barranco das Canas e o areal ficou praticamente vazio
Praia
Bandeira vermelha foi içada na praia do Barranco das Canas e o areal ficou praticamente vazio
Praia
A presença de coliformes fecais na água da praia do Barranco das Canas - também conhecida como praia do Alemão -, no concelho de Portimão, deixou esta terça-feira aquele areal praticamente deserto. Segundo o CM apurou, a interdição a banhos foi determinada durante a manhã, depois de serem conhecidos os resultados das análises à qualidade da água do mar efetuadas segunda-feira pela Agência Portuguesa do Ambiente (APA).

As análises detetaram níveis elevados da bactéria E.Colli, pelo que a delegada de Saúde de Portimão alertou a Capitania do Porto de Portimão, a qual, por sua vez, ordenou que fosse içada a bandeira vermelha naquela praia, contígua à do Vau e uma das mais frequentadas do concelho. A descarga de esgotos de embarcações é a hipóteses mais viável, uma vez que não foram detetados outros focos de poluição.


"Ontem [terça-feira] isto estava cheio de gente, hoje está quase vazio e não há ninguém na água. É pena, pois a água até aqueceu nos últimos dias", disse ao CM José Álvaro, de 32 anos, banhista, revelando que ia "procurar outra praia".

Posição idêntica manifestaram ao CM Jorge Ribeiro, de 31 anos, e João Sousa, de 21, ambos de Felgueiras: "Não vamos poder tomar banho aqui, pois assim a água está poluída, não está em condições. Estamos de férias até sábado. Vamos para a praia da Rocha, é mais seguro", referiram.

Esta terça-feira a APA efetuou novas análises à água da praia, com vista a confirmar se a situação microbiológica se alterou e se se pode levantar a interdição a banhos que estava em vigor. Até lá, contudo, a bandeira vermelha vai continuar içada.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)