Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
5

Bragança volta a ter sala para projeção de cinema

Auditório Paulo Quintela está a ser alvo de requalificação para acolher exibição de filmes.
Ana Borges Pinto 27 de Fevereiro de 2017 às 09:35
Auditório Paulo Quintela será reaberto
Auditório Paulo Quintela será reaberto FOTO: Direitos Reservados
Há cerca de cinco anos que os brigantinos reivindicam uma sala de cinema na cidade. A autarquia tem ouvido os apelos dos munícipes e divulgou agora que a projeção de filmes vai regressar a Bragança já no próximo mês, com a reabertura do Auditório Paulo Quintela.

O edifício está a ser alvo de obras de requalificação, sendo que já está equipado com o material de projeção. Segundo a autarquia, "as obras estão na reta final e espera-se que, dentro de duas semanas, o espaço reabra".

A cidade de Bragança não possui, atualmente, qualquer sala de exibição de cinema. Mas na capital de distrito já existiram três - no Shopping do Loreto, que encerrou em 2007, no Cineteatro S. José, que fechou portas em 2008 (a mítica sala foi destruída por um incêndio no ano passado) e, mais recentemente, existia o cinema da Castello Lopes, que esteve instalado em três salas do Bragança Shopping e deixou de exibir filmes há cinco anos.

Desta vez, a sétima arte não irá regressar de forma diária a Bragança, uma vez que o auditório será igualmente usado para outros fins, tais como a assembleia municipal e conferências. O município ainda está a definir qual a regularidade com que os filmes serão projetados.

O investimento feito pela Câmara de Bragança para dotar de todas as condições a sala do Auditório Paulo Quintela ronda os 320 mil €. Nos últimos 5 anos, os brigantinos tinham de se deslocar a Vila Real ou Zamora (Espanha) para verem um filme numa sala de cinema. A medida ajuda, assim, a fixar a população no nordeste transmontano.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)