Câmara de S. Brás de Alportel contra exclusão de contratos de apoio

Concelho foi o único do Algarve que ficou de fora do programa no despacho publicado dia 4 de janeiro.
Por João Mira Godinho|12.01.19
Câmara de S. Brás de Alportel contra exclusão de contratos de apoio
Foto Direitos Reservados
A Câmara de S. Brás de Alportel considera "altamente lesiva para a população" a exclusão do concelho dos Contratos Locais de Desenvolvimento Social - 4G. S. Brás foi o "único concelho excluído desta possibilidade de acesso a apoios financeiros, promotores de desenvolvimento e coesão social" na região algarvia destaca a autarquia.

O concelho apresenta um "índice de envelhecimento demográfico (157,5) superior à média do Algarve (142,3) e do País (155,4)", destaca a câmara, pelo que a exclusão "muito surpreende" a autarquia, quando o envelhecimento demográfico é "um dos critérios de fragilidade, a par do desemprego".

Frisando que este apoio "poderia ser uma excelente oportunidade" para combater o envelhecimento e a desertificação de S. Brás de Alportel, a câmara adianta que já contactou o ministro do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social "para a retificação do despacho".

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!