Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

Cinco milhões de peças constroem cidade Lego

Exposição contempla monumentos emblemáticos, serviços básicos e transportes.
Aureliana Gomes 26 de Janeiro de 2018 às 09:09
Construções em Lego incluem igrejas, hospitais, quartéis de bombeiros, entre muitos outros monumentos e serviços
Construções em Lego incluem igrejas, hospitais, quartéis de bombeiros, entre muitos outros monumentos e serviços FOTO: Direitos Reservados
A Torre Eiffel ou o Taj Mahal são apenas duas das peças construídas em Lego que fazem as delícias de quem passa pelo Pavilhão Multiusos de Guimarães por estes dias.

A cidade de Lego, com mais de cinco milhões de peças e candidata a maior do Mundo, ocupa cerca de mil metros quadrados do espaço. Construída por um só colecionador, a exposição conta com recriações de vários monumentos e também serviços básicos, entre eles, hospitais, quartel dos bombeiros e esquadra, passando pelos meios de transporte como comboios, elétricos, aviões e barcos.

José Matos precisou de uma semana para instalar a megacidade no multiusos. Estão também expostas construções em Lego alusivas à franquia Star Wars e à famosa casa da família de animação ‘Os Simpson’.

A área da exposição integra ainda uma zona lúdica de construções livres em que os mais pequenos podem dar asas à imaginação e brincar com as peças de Lego.

Até 13 de fevereiro, além das cinco milhões de peças que compõem o imaginário de miúdos e graúdos, quem passar pelo pavilhão multiusos pode ainda usufruir de uma pista de gelo e outros divertimentos.

No âmbito da iniciativa ‘Reino da Diversão’, organizada pela Tempo Livre, em colaboração com a Câmara Municipal de Guimarães, destaque, este ano, ainda para uma montanha-russa no interior do multiusos - única em Portugal.

No exterior, há carrinhos de choque e carrosséis. Com atrações para toda a família, o ‘Reino da Diversão’ está aberto de quinta-feira a domingo, alargando esse período à segunda e terça-feira de carnaval.

A entrada é gratuita.
Ver comentários