Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

Corrida a reitor da Universidade do Algarve tem 12 candidatos

Reitor António branco decidiu não avançar para segundo mandato.
Pedro F. Guerreiro 6 de Outubro de 2017 às 08:18
Universidade do Algarve
Universidade do Algarve FOTO: Luís Costa
Doze candidatos apresentaram candidatura à sucessão de António Branco como reitor da Universidade do Algarve (UAlg). As eleições para o cargo decorrem nos próximos dias 15 e 16 de novembro.

Vítor Neto, presidente do Conselho Geral da UAlg - órgão que reúne um total de 35 representantes dos docentes, alunos e funcionários e personalidades externas e é responsável pela eleição do reitor - confirmou ao CM a receção de 12 candidaturas, algumas delas de pessoas exteriores à instituição e até de instituições internacionais, mas não confirmou qualquer nome.

Efigénio Rebelo (professor catedrático da Faculdade de Economia), Saúl de Jesus (professor da Faculdade de Ciências Humanas e Sociais), que já tentaram anteriormente a eleição para o lugar, e Paulo Águas (atual vice-reitor) são alguns dos candidatos internos, avançou esta semana o jornal online Sul Informação. Mas do lote de 12 candidatos, alguns poderão ficar pelo caminho por não corresponderem aos requisitos previamente definidos nos regulamentos. O Conselho Geral está agora a analisar as propostas apresentadas até à passada segunda-feira (data limite para apresentação de candidaturas) e deverá validá-las até 13 de outubro. Só aí a identidade dos candidatos aceites vai ser conhecida, seguindo-se, de 30 de outubro a 11 de novembro, uma fase de campanha eleitoral.

Em 2013, António Branco venceu a eleição para reitor a Adelino Canário e Efigénio Rebelo (que deve voltar a ser candidato). O atual reitor, que sucedeu a João Guerreiro, invocou "razões pessoais" para não se recandidatar a um segundo mandato à frente da UAlg.n
Ver comentários