Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

Dragagens deixam lama à superfície do rio Sado

Rio deixou de ser tão azul como de costume devido às lamas levantadas do fundo do rio.
Sofia Garcia 14 de Dezembro de 2019 às 10:41
Dragagens iniciaram-se logo após a decisão do tribunal, na noite de quinta-feira
Navio-draga está a operar bem dentro do estuário do Sado, em frente à cidade de Setúbal
Dragagens iniciaram-se logo após a decisão do tribunal, na noite de quinta-feira
Navio-draga está a operar bem dentro do estuário do Sado, em frente à cidade de Setúbal
Dragagens iniciaram-se logo após a decisão do tribunal, na noite de quinta-feira
Navio-draga está a operar bem dentro do estuário do Sado, em frente à cidade de Setúbal

O Sado deixou de ser tão azul como de costume, por conta das lamas levantadas do fundo do rio. Na quinta-feira à noite arrancaram as dragagens no porto de Setúbal, junto ao terminal Ro-Ro.

O navio com a draga está a partir de agora a trabalhar de forma ininterrupta no fundo do rio, e apenas para depositar os dragados.

"Após ter sido levantada a suspensão provisória da obra, pelo Tribunal Administrativo e Fiscal de Almada, os trabalhos foram iniciados e a draga estará a funcionar em pleno e ininterruptamente, 24 horas por dia, até ao início do mês de maio de 2020", explicou ao CM o comandante Alcobia Portugal, capitão do porto de Setúbal.



A Polícia Marítima está em constante monitorização da obra para garantir a segurança dos trabalhos ao largo do terminal Sadoport - os dragados estão a ser depositados junto ao terminal da Autoeuropa (Ro-Ro). 

David Nascimento, da associação SOS Sado, lamenta o início das dragagens. "Está a começar a destruição do Sado. A luta continua no tribunal, pois a questão da providência cautelar não está ainda decidida e corre ainda uma ação principal."

6,5 milhões de metros cúbicos
O plano da Administração dos Portos de Setúbal e Sesimbra é retirar 6,5 milhões de metros cúbicos de areia do fundo do Sado para permitir a passagem de navios de maiores dimensões, alegando benefícios económicos para a cidade. O CM tentou mais esclarecimentos da APSS, sem sucesso.

 

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)