Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

‘Hospital’ para animais marinhos abre em Ílhavo

Maior centro de reabilitação da Europa para estas espécies custou cerca de 5 milhões.
Aureliana Gomes 16 de Junho de 2017 às 08:49
Marcelo Rebelo de Sousa destacou a importância da nova infraestrutura para as causas da ecologia e do mar
Marcelo Rebelo de Sousa destacou a importância da nova infraestrutura para as causas da ecologia e do mar FOTO: José Coelho / Lusa
O objetivo desta unidade única é criar mais impacto na economia, nas dinâmicas regionais e na vida das pessoas". Manuel António Assunção, reitor da Universidade de Aveiro, acredita que, com o Laboratório para a Inovação e Sustentabilidade dos Recursos Biológicos Marinhos (ECOMARE), inaugurado ontem na Gafanha da Nazaré, em Ílhavo, a economia azul vai ganhar uma nova dinâmica.

O ECOMARE, que funciona no Porto de Pesca Costeira da Gafanha da Nazaré, custou cerca de cinco milhões de euros e é considerado o maior centro de reabilitação de animais marinhos da Europa. Constituído por duas unidades básicas (o Centro de Extensão e de Pesquisa Ambiental e Marinha e a Unidade de Pesquisa e Recuperação de Animais Marinhos), era uma pretensão de décadas. "Este era um sonho antigo da universidade que se torna agora realidade", afirmou o reitor.

A luta contínua pela construção foi também referida pelo presidente da Comunidade Intermunicipal de Aveiro, Ribau Esteves. "Foi intensa, mas valeu a pena", referiu.

A inauguração foi liderada pelo Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, que, depois de uma visita ao espaço, destacou a importância da infraestrutura. "Assistimos ao triunfo das causas da ecologia e do mar, que não eram evidência há algumas décadas", referiu.

Presente esteve também a ministra do Mar, Ana Paula Vitorino, que reforçou a importância do ECOMARE para a região e para o País. "Este laboratório com dois centros vai passar a ser uma referência a nível internacional", disse durante a inauguração, ontem de manhã.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)