Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal

Lisboa vai ter quatro novas torres à beira-rio

Prevista a construção de quatro edifícios com máximo de nove pisos entre Santos e Cais do Sodré.
António Miguel e Edgar Nascimento 8 de Agosto de 2017 às 09:11
Francisco Freire (à direita) explicou os pormenores do Plano Pormenor do Aterro da Boavista Poente
Francisco Freire (à direita) explicou os pormenores do Plano Pormenor do Aterro da Boavista Poente FOTO: Bruno Colaço
Lisboa vai ter quatro novas torres à beira-rio, entre Santos e o Cais do Sodré, englobados no Plano Pormenor do Aterro da Boavista Poente (PPABP). Os edifícios terão entre 28 e 32 metros de altura e um máximo de nove pisos, e ocuparão uma área de 8427 metros quadrados. Estes edifícios serão construídos junto ao IADE - Universidade Europeia, onde existe atualmente um parque automóvel.

Os edifícios ficarão com "uma altura semelhante ao edifício do IADE", explicou Francisco Freire, arquiteto que está a de-senvolver o projeto. O PPABP vai englobar várias obras de urbanização à volta das torres, com um custo previsto de cerca de 1,5 milhões de euros, para a criação de espaços verdes, infraestruturas viárias, saneamento e redes de eletricidade, gás e telecomunicações.

Segundo Francisco Freire, o projeto promove o "desejo de recuperar o interior dos quarteirões para habitação e comércio" e, no total, a requalificação terá uma área de intervenção de 36730 metros quadrados, dando continuação ao já aprovadoPlano Pormenor de Aterro da Boavista Nascente.

A sessão de apresentação do projeto realizou-se ontem na Sala Fernando Farinha e contou com a presença de Sara Bragança, chefe da divisão de Planeamento Territorial da Câmara Municipal de Lisboa.

Cerca de 20 munícipes participaram na sessão e questionaram sobre o estacionamento na zona. Segundo a responsável, está previsto criar estacionamentos novos na zona.

As sugestões ao projeto podem ser apresentadas pelos munícipes lisboetas até dia 16 de agosto, no site da autarquia.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)