Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Marcha lenta contra a "estrada da vergonha"

Participantes fizeram uma paragem na "curva da morte", no IC2, para deixar uma coroa de flores em memória das vítimas.
Paula Gonçalves e Lusa 13 de Julho de 2019 às 09:49
Protesto em marcha lenta chamou à atenção para a necessidade de obras no IC2, entre a Benedita e Aveiras
Protesto em marcha lenta chamou à atenção para a necessidade de obras no IC2, entre a Benedita e Aveiras FOTO: Lusa
O percurso de 40 quilómetros no IC2, entre a Benedita, Leiria, e Aveiras, Lisboa - normalmente percorrido em 40 minutos - demorou esta sexta-feira quase duas horas a fazer, numa marcha lenta que pretendeu alertar para a necessidade de obras e a falta de segurança da via.

O IC2 é já considerado pelos promotores do protesto como "estrada da vergonha".

"Não dá para aguentar mais. A cada dia que passa são mais acidentes que acontecem -  esta quinta-feira aconteceu mais um - e isto é constante, um ‘ai Jesus’, estamos todos os dias à espera quando é que nos calha a nós, porque é muito fácil neste troço ter acidentes", afirmou José Belo, porta-voz do protesto, em declarações à Lusa.

Os participantes fizeram uma paragem na "curva da morte", junto ao Alto da Serra, Rio Maior, um dos locais de maior sinistralidade, para deposição de uma coroa de flores em memória dos que ali morreram vítimas de acidentes.

José Belo sublinhou que as "retas da morte e as curvas da morte" não se limitam ao troço do IC2 entre Freires, Benedita, e Asseiceira, Rio Maior, para o qual estão anunciadas obras há anos, estendendo-se até Aveiras.

Os condutores que aderiram ao protesto exibiram cartazes nos vidros a exigir "obras no IC2 já", ou "stop aos acidentes, mortes e feridos e danos nas viaturas".

Na quinta-feira, a Infraestruturas de Portugal reafirmou que o lançamento do concurso público da empreitada de beneficiação do troço entre Asseiceira e Freires está previsto para este ano, com um preço-base de 7,5 milhões de euros e um prazo de execução de 450 dias.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)