Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

Norte ganha 237 camas de cuidados continuados

Administração Regional de Saúde assina contratos com sete instituições de apoio social.
Manuel Jorge Bento 5 de Janeiro de 2018 às 08:42
Cuidados continuados
Cuidados continuados
Cuidados continuados
Cuidados continuados
Cuidados continuados
Cuidados continuados
Sete instituições de apoio social do Norte assinam hoje contratos com a Administração Regional de Saúde (ARS) que vão permitir a abertura de mais 237 camas de cuidados continuados, graças a um investimento de 47 milhões de euros.

Assim, a Rede Nacional de Cuidados Continuados Integrados aumenta a resposta para 12 200 admissões anuais.

Em causa estão 32 camas no Centro Paroquial de Promoção Social e Cultural de Darque, em Viana do Castelo, 27 na DELAPO - Acolhimento, Apoio e Assistência Social de Delães, Braga, e 55 na Santa Casa da Misericórdia de Bragança. A estas juntam-se 42 camas na Misericórdia de Mirandela, 31 na Santa Casa de S. Miguel de Refojos, em Cabeceiras de Basto, 30 na Misericórdia de Vale de Cambra e outras 20 na associação Kastelo, em Matosinhos.

A formalização dos contratos permitirá que "entidades subscritoras e a população alvo passem a dispor de uma capacidade instalada mais alargada nas diferentes tipologias da Rede de Cuidados Continuados Integrados na região Norte", indica a ARS, em comunicado.

Para avançar com o aumento do número de lugares disponíveis, a ARS e o Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, assinam os contratos, hoje, às 11h00, numa cerimónia presidida pelo secretário de Estado Adjunto e da Saúde, Fernando Araújo.

De acordo com a ARS/Norte, na sua página na internet, esta região passará a dispor, em breve de um total de 4513 camas, integradas na Rede Nacional de Cuidados Continuados, o que representa um encargo financeiro anual de cerca de 54,5 milhões de euros.
Norte camas cuidados continuados saúde
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)