Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Temporal no mar leva metros de areal a praias da região

Há praias do litoral sul algarvio que perderam 2,5 metros de altura de areia devido às marés dos últimos dias.
José Carlos Eusébio e Ana Palma 4 de Março de 2018 às 09:37
Ondas destruíram estruturas na costa
Autoridade Marítima
Escadaria destruída na praia de Faro
Em Portimão o dia foi de limpeza
Ondas destruíram estruturas na costa
Autoridade Marítima
Escadaria destruída na praia de Faro
Em Portimão o dia foi de limpeza
Ondas destruíram estruturas na costa
Autoridade Marítima
Escadaria destruída na praia de Faro
Em Portimão o dia foi de limpeza
Pelo quarto dia consecutivo, a forte ondulação, com ondas entre os 4 e os 7 metros, batida pelo vento, voltou este sábado a varrer o litoral sul algarvio. E, a juntar à destruição de estruturas, o temporal levou metros de areia de muitas praias.

Há areais que perderam 2,5 metros de altura, como aconteceu na praia do Farol, em Olhão, na praia de Faro, onde as ondas galgaram as proteções e invadiram parques de estacionamento e ruas de areia, ou na praia de Quarteira, onde o mar chegou ao calçadão. Em Albufeira também há areais muito afetados, como a praia Manuel Lourenço.

Os moradores das zonas costeiras, como a praia de Faro, têm vivido noites de sobressalto. "Vivemos aqui há muitos anos e nunca passámos por um temporal destes", disseram ao CM. "Tenho dormido no meu bar, por segurança, mas ainda não sofri danos", contou José Vitorino, dono de um bar local.

Na praia de Faro o mar destruiu várias escadarias de acesso à praia. Em Olhão e Fuseta, o vento e a ondulação viraram 8 barcos. Em Portimão o dia foi de limpeza, depois do mar ter destruído vários estabelecimentos na praia da Rocha.
Ver comentários