Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

Troço da EN110 encerrado até agosto devido a obras

Estrada está cortada na zona de Foz do Caneiro para a reparação de taludes instáveis.
Mário Freire 3 de Junho de 2019 às 08:17
Trânsito está proibido numa extensão de um quilómetro e meio, numa das principais vias entre Coimbra e Penacova
Trânsito está proibido numa extensão de um quilómetro e meio, numa das principais vias entre Coimbra e Penacova FOTO: Ricardo Almeida
A Estrada Nacional 110, que liga Penacova a Coimbra, está cortada até meados de agosto na zona de Foz do Caneiro para a reparação de taludes instáveis, na zona onde há cinco anos e meio houve uma derrocada que levou ao encerramento da via durante várias semanas.

As obras já arrancaram e contemplam a reparação de cerca de um quilómetro e meio de talude e encosta com sinais de maior instabilidade. Por isso, até meados de agosto, o trânsito vai ser desviado para a EN17 e para o IP3.

Uma situação que tem gerado algumas críticas, em particular pelas empresas de animação turística, que fazem descidas do rio Mondego de canoa e utilizam esta estrada.

A Infraestruturas de Portugal esclarece "que o tipo de intervenção não pode ser feita no inverno devido ao risco de derrocada". Já a autarquia de Penacova reconhece os transtornos, "em particular ao turismo, mas não há alternativa. Espero que os trabalhos se consigam fazer antes do prazo previsto", disse o autarca Humberto Oliveira.

A população não se importa com as condicionantes, pois entende que "é pela segurança", diz Miguel Relvas, que agora, para ir a Penacova, tem de ir pela serra.

"Faço uns 50 quilómetros, quando por aqui são 11", diz conformado o morador da Foz do Caneiro. "Fazer isto no inverno era a pior altura. Para haver benefício tem de haver sacrifício", entende o vizinho Manuel Assunção.

A autarquia de Penacova reconhece que há outras zonas com risco de derrocada e espera que também sejam intervencionadas.

Este é um investimento de 120 mil euros.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)