Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

Tribunal perde parte de processo

Falta de anexos impediu sessão de julgamento.
Tiago Virgílio Pereira 19 de Dezembro de 2015 às 20:04
Tribunal de Viseu teve que adiar o julgamento
Tribunal de Viseu teve que adiar o julgamento FOTO: Nuno André Ferreira
O Tribunal de Viseu adiou esta sexta-feira um julgamento por ter perdido a maior parte dos apensos do processo que envolve o presidente e dois antigos comandantes dos Bombeiros Voluntários de Vila Nova de Paiva. Não há data marcada para a continuação do julgamento.

"A culpa é da reforma judiciária", disse o juiz Carlos Oliveira, lembrando que antes a comarca de Viseu tinha "metade dos funcionários, dos juízes e das competências".

Depois da reforma, muitos processos passaram para Viseu. É por isso, acrescenta o magistrado, que os funcionários estão "atafulhados" e há processos "no chão". Adianta que desconhece o paradeiro " de 15 a 20 apensos" do processo que envolve os três elementos dos bombeiros, acusados de terem burlado a Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) em 14 603 euros, valor que já foi devolvido.

Na primeira sessão, a 20 de novembro, o presidente dos Bombeiros de Vila Nova de Paiva, Domingos Lopes, admitiu "ter usado verbas destinadas ao combate aos incêndios para minimizar as dificuldades financeiras da corporação".
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)