Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

Dois mortos em despiste

Jovem de 22 anos e homem de 44 perderam a vida.
João Carlos Rodrigues e Ana Borges Pinto 30 de Outubro de 2017 às 01:30
David Riscas tinha 22 anos
Carro entrou em despiste na A4
David Riscas tinha 22 anos
Carro entrou em despiste na A4
David Riscas tinha 22 anos
Carro entrou em despiste na A4
Um jovem de 22 anos e um homem de 44 perderam ontem a vida em dois acidentes distintos. Ambos despistaram-se sozinhos quando circulavam em autoestradas e não resistiram aos ferimentos.

O primeiro acidente mortal ocorreu pelas 07h20, na A4, que liga o Porto a Vila Real. David Riscas, de 22 anos, seguia ao volante de um Opel Corsa, em direção a casa dos avós, na aldeia de Sobreira, em Murça, quando o carro entrou em despiste e embateu contra o separador central da A4, onde acabou por ficar imobilizado.

David tinha os pais emigrados na Suíça, vivia em Paços de Ferreira e estudava no Instituto Superior de Engenharia do Porto (ISEP). Porém, todos os fins de semana deslocava-se a Trás-os-Montes para visitar os avós na sua terra natal.

Ao final da manhã, mas na A5, um motociclista de 44 anos perdeu o controlo ao quilómetro 9, no sentido Lisboa- Cascais. Embateu no separador central e foi projetado para o outro lado da autoestrada.

Os destroços provocaram o despiste de outro automóvel, mas sem provocar mais vítimas.

PORMENORES 
GNR alerta para motos
Este ano já morreram 94 pessoas em acidentes de moto, mais 24 do que no total de 2016. A GNR apela a uma "maior consciência dos motociclistas, uma vez que estão mais vulneráveis a ferimentos graves".

Mais mortos e feridos
Desde o início de 2017 até 21 de outubro morreram 409 pessoas nas estradas portuguesas, mais 57 do que no mesmo período do ano passado. O número de acidentes também subiu (mais de 103 mil sinistros), bem como o número de feridos graves, que já vai em 1759 (mais 56).
Ver comentários