Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Acórdão do processo 'Jogo Duplo' adiado para 31 de janeiro de 2020

Processo conta com 27 arguidos e está relacionado com viciação de resultados no futebol profissional português.
Lusa 23 de Outubro de 2019 às 15:26
Abel Silva, ex-futebolista, é um dos 27 arguidos do processo Jogo Duplo
Abel Silva, ex-futebolista, é um dos 27 arguidos do processo Jogo Duplo FOTO: David Martins

A leitura do acórdão do processo denominado de 'Jogo Duplo', com 27 arguidos e relacionado com viciação de resultados no futebol profissional português, marcada para sexta-feira, em Lisboa, foi novamente adiada, agora para 31 de janeiro de 2020.

A informação consta de um despacho judicial do Tribunal Central Criminal de Lisboa (TCCL), a que a agência Lusa teve  acesso, sendo este o segundo adiamento que o coletivo de juízes, presidido por Luís Ribeiro, determina, após adiar a leitura do acórdão de 18 de junho para 25 de outubro, sexta-feira.

O presidente do coletivo de juízes justifica o segundo adiamento, para as 14:00 de 31 de janeiro de 2020, porque tem de dar "prioridade" a um julgamento e à elaboração do respetivo acórdão de um processo de especial complexidade e com arguidos presos preventivamente.

Jogo Duplo Lisboa crime lei e justiça depsorto futebol Tribunal Central Criminal de Lisboa
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)