Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
5

Abatido a tiro pelas costas em Lisboa por dívida de droga

Bruno Gonçalves de Barros, de 32 anos, foi atraído para uma emboscada fatal no bairro da Horta Nova, em Carnide.
Miguel Curado 20 de Junho de 2020 às 09:07
PSP interveio em força no bairro da Horta Nova, em Carnide, após disparos
PSP interveio em força no bairro da Horta Nova, em Carnide, após disparos FOTO: Tiago Abrantes/CMTV
A Polícia Judiciária (PJ) de Lisboa, através da secção de homicídios, acredita que Bruno Gonçalves de Barros, de 32 anos, foi atraído para uma emboscada fatal no bairro da Horta Nova, em Carnide, ao final da tarde de quinta-feira.

O pretexto terá sido um negócio de droga por terminar. O homem, residente em São Marcos, nos arredores do Cacém, concelho de Sintra, terá ido à confiança ao centro daquele bairro. À espera estavam dois homens, ambos de 23 anos. Mal os viu, Bruno Barros começou a fugir. Acreditam os investigadores da PJ que na origem desta reação terá estado uma dívida de droga que a vítima tinha com os agressores.

A dupla que aguardava o homem disparou sobre este. Bruno Barros foi alvejado com vários chumbos de caçadeira e um tiro de revólver pelas costas. O INEM foi acionado e o ferido assistido por uma equipa de paramédicos, que depois o assistiram durante o transporte para o Hospital de Santa Maria. Nada foi possível fazer pelo ferido. O mesmo viria a falecer durante a viagem para a unidade hospitalar. A PSP conseguiu deter os alegados autores do homicídio e entregá-los à Polícia Judiciária. A investigação continuava ontem.
Ver comentários