Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
3

Acidente mata menor e fere mãe e irmã

Jovem futebolista de 16 anos morreu no hospital.
Cátia Vicente 29 de Maio de 2016 às 14:18
Local do acidente, no IC2, na zona da Mealhada
Local do acidente, no IC2, na zona da Mealhada FOTO: Ricardo Almeida
A viagem tinha começado poucos minutos antes. Eram quatro da manhã quando Gonçalo Costa, de 16 anos, regressava a casa, em Oiã, com a mãe e a irmã, três anos mais velha. Ao quilómetro 199,7 do IC2, na zona da Mealhada, uma viatura chocou com o carro onde seguiam. De seguida, mais dois veículos colidiram.

O adolescente não resistiu aos ferimentos e acabou por morrer pouco depois de chegar ao hospital. A mãe e a irmã ficaram feridas com gravidade, assim como o condutor e o ocupante de um dos carros envolvidos.


A família tinha-se deslocado a Coimbra para assistir a um concerto da banda de rock Viúva Negra da qual a irmã de Gonçalo é vocalista, contou ao CM um amigo da família. O menor, escuteiro e jogador de futebol no Grupo Desportivo Águas Boas, em Oiã, Oliveira do Bairro, seguia no banco traseiro do carro conduzido pela mãe. Tinha cinto de segurança e ficou encarcerado. "Estava inconsciente e com dificuldade em respirar", disse Cristina Bandeira, dos Bombeiros da Pampilhosa, que acompanhou a vítima ao hospital pediátrico de Coimbra.

A mãe e a irmã foram transportadas para o Centro Hospitalar de Coimbra, assim como os dois homens que seguiam na outra viatura. Não se registaram feridos entre os ocupantes dos restantes carros.

Um despiste ou uma ultrapassagem mal calculada poderão estar na origem do choque que ocorreu num ponto negro do IC2. "Estava a dormir e acordei com o estrondo do embate", contou Fausto Fonseca, um morador.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)