Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

Advogado acusa militares de agressões

Um advogado da Ericeira, Mafra, acusa quatro militares do Destacamento de Intervenção da GNR de Sintra, de o terem agredido, na tarde de anteontem, ao pontapé e ao murro, após um desentendimento de trânsito. O Comando-Geral da GNR desmente o causídico e a Ordem dos Advogados confirmou ao CM que está a averiguar o caso. Ontem, o advogado foi constituído arguido por ofensas à autoridade.
29 de Abril de 2010 às 00:30
Advogado, ontem, em tribunal
Advogado, ontem, em tribunal FOTO: Manuel Moreira

Hugo da Rocha Pereira, 32 anos, é advogado há cinco. Tem escritório na Ericeira, na rua Prudêncio Franco Trindade, que era para onde se dirigia de carro, na tarde de anteontem, cerca das 17h00. Segundo várias testemunhas do advogado, os militares não gostaram de ser questionados por estarem parados na via, impedindo o trânsito, e partiram para a violência física.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)