Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

Advogado de José Penedos feliz com esclarecimentos (COM VÍDEO)

O advogado do ex-presidente da REN (Redes Energéticas Nacionais) José Penedos mostrou-se hoje satisfeito com os esclarecimentos dados pelo seu cliente ao tribunal no âmbito do processo 'Face Oculta', em que é arguido.
11 de Novembro de 2011 às 13:34
Paulo e José Penedos
Paulo e José Penedos FOTO: Paulo Novais/Lusa

"Estou satisfeitíssimo [com os esclarecimentos]. Foram os mesmos que já deu nas outras fases do processo e é verdade", afirmou aos jornalistas Rui Patrício, à saída da sessão da manhã do julgamento que está a decorrer desde terça-feira no Tribunal de Aveiro.  

Sobre as escutas que têm sido reproduzidas na sala de audiências, envolvendo o ex-presidente da REN e o seu filho Paulo Penedos, igualmente arguido, o causídico realça que não têm qualquer valor.  

"Faço notar que as pessoas estiveram sob escuta muitos meses e do meu constituinte há dez escutas de muitos meses. Sobre essas, então a minha conclusão é que não há nada que tenha valor para algum processo ou para este processo", afirmou.  

Rui Patrício reafirmou ainda que não houve qualquer passagem de informação específica ou privilegiada de José Penedos para o filho que pudesse favorecer a 'O2', empresa de Manuel Godinho, como sustenta a acusação.  

"Há uma ligação especial do pai e do filho, mas essa ligação não lhes dá informação privilegiada. Dá-lhes conversas genéricas. Conversas que impliquem dar privilégio, revelar segredos ou dados específicos não há", afirmou, assegurando ainda que o seu cliente não violou o código de conduta da empresa. 

Cerca das 12h10, o juiz presidente Raul Cordeiro deu por concluído o interrogatório a José Penedos e interrompeu a sessão, que recomeçará ao início da tarde com o ex-presidente da REN a responder às questões dos procuradores do Ministério Público.  

O antigo secretário de Estado deverá depois ser interrogado pelos advogados dos assistentes no processo, nomeadamente da REN, e pelos advogados de defesa, incluindo Rui Patrício, o seu defensor.  

José Penedos, que é acusado de dois crimes de corrupção e outros dois de participação económica em negócio, é o segundo arguido a ser ouvido pelo tribunal, desde que começou o julgamento, na passada terça-feira. O primeiro foi o antigo ministro e ex-vice presidente do BCP, Armando Vara.  

ren josé penedos face oculta raul cordeiro mp ministério público bcp armando vara
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)