Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

Afastado subcomissário que agrediu adepto do Benfica à frente do filho

Filipe Silva deixa comando de esquadra por ordem do novo comandante.
Fátima Vilaça 5 de Janeiro de 2018 às 01:30
CMTV registou agressão à bastonada a adeptos do Benfica junto ao estádio
Agressões aconteceram a 17 de maio de 2015
Agressões aconteceram a 17 de maio de 2015
Filipe Silva agrediu à bastonada José Magalhães
CMTV registou agressão à bastonada a adeptos do Benfica junto ao estádio
Agressões aconteceram a 17 de maio de 2015
Agressões aconteceram a 17 de maio de 2015
Filipe Silva agrediu à bastonada José Magalhães
CMTV registou agressão à bastonada a adeptos do Benfica junto ao estádio
Agressões aconteceram a 17 de maio de 2015
Agressões aconteceram a 17 de maio de 2015
Filipe Silva agrediu à bastonada José Magalhães
O subcomissário Filipe Silva, que começa a ser julgado em abril por agredir à bastonada dois adeptos do Benfica, junto ao Estádio D. Afonso Henriques, Guimarães, já não é comandante da Esquadra de Investigação Criminal de Guimarães. O oficial foi substituído no cargo, esta terça-feira, por ordem do novo comandante da PSP de Braga, o superintendente Pedro Teles.

O subcomissário agressor chegou a estar afastado do cargo após os atos de violência filmados pela CMTV, mas assim que cumpriu os 90 dias de suspensão aplicados pela então ministra da Administração Interna, Anabela Rodrigues, reassumiu as funções. Filipe Silva manteve-se no cargo mesmo depois de ter sido acusado pelo Ministério Público de dois crimes de ofensa à integridade física qualificada, dois crimes de falsificação de documento, e dois crimes de denegação de justiça e prevaricação. Em causa, a agressão à bastonada, socos e pontapés a um empresário de 42 anos e ao pai, de 73, em frente aos dois filhos menores.

Com a saída de Manuel Gomes do Vale, o novo comandante nomeou novos oficiais, optando por afastar Filipe Silva.

Recebeu louvor da PSP
Há um ano, o então comandante da PSP de Braga, Manuel Gomes do Vale, atribuiu um louvor a Filipe Silva por "bons serviços em recintos desportivos". O superientendente, que se aposentou no verão, é, a par de outros oficiais do comando, testemunha abonatória de Filipe Silva no processo-crime.

Novo comandante
O subcomissário Luís Maia é o novo comandante da Esquadra de Investigação Criminal de Guimarães. Foi o oficial que substituiu Filipe Silva durante os três meses de suspensão.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)