Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Agente da PSP arrisca vida para salvar idosa

Mulher de 78 anos estava presa entre a cama e a parede. Vizinho ouviu gritos e deu alerta, em Braga.
Fátima Vilaça 28 de Fevereiro de 2019 às 01:30
A carregar o vídeo ...
Mulher de 78 anos estava presa entre a cama e a parede. Vizinho ouviu gritos e deu alerta, em Braga.
Aurora Aires, de 78 anos, não era vista desde sábado à tarde. Na terça-feira, um vizinho ouviu gritos de socorro e alertou as autoridades. No entanto, a porta de casa trancada dificultou o socorro.

Um agente da Equipa de Intervenção Rápida da PSP saltou de uma varanda do mesmo 5º andar para aceder ao apartamento.

Arriscou a vida e encontrou Aurora Aires caída no chão do quarto, presa entre a cama e a parede, e já em más condições de higiene, segundo a Polícia. A idosa, que sofre de demência, foi hospitalizada e está agora internada numa unidade de cuidados psiquiátricos.

Andreia Malheiro, dona de uma loja no rés do chão do prédio de oito andares, na avenida General Norton de Matos, em Braga, é, nos últimos anos, a pessoa mais próxima da idosa.

Esta quarta-feira, estava devastada. "Liguei-lhe vezes sem conta na terça-feira e, depois do almoço, fui tocar à campainha do apartamento, mas ela não respondeu", conta.

Apesar de preocupada, colocou a hipótese de a mulher se ter deslocado a Vila Verde, como era habitual, em visita familiar. Pelas 16h30, porém, chegaram vários meios de socorro. O alerta havia sido dado por um vizinho do 4º andar, que ouviu os gritos.

"Ficou presa e caída no quarto. Consegui falar com ela. Estava debilitada e envergonhada por estar suja", disse Andreia Malheiro.

A PSP acabou por entrar pelo apartamento do lado - um agente, apoiado por outros colegas, entrou pela varanda, a cerca de 20 metros de altura.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)