Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Agrediu mulher e três crianças

Um homem em fúria agrediu duas mulheres e três crianças a murro, pontapé e à bengalada, numa casa em Chafé, Viana do Castelo. As vítimas foram conduzidas ao hospital na sequência da agressão, mas o alegado agressor ainda não foi localizado, informou fonte da GNR.
8 de Janeiro de 2009 às 00:30
Foi nesta casa em Chafé, nos arredores de Viana do Castelo, que ocorreram as violentas agressões
Foi nesta casa em Chafé, nos arredores de Viana do Castelo, que ocorreram as violentas agressões FOTO: Ssérgio Freitas

As agressões terão sido consumadas, pelas 07h15, por um homem de 38 anos, que terá começado por se envolver numa discussão com a cunhada, acabando por agredi-la. Esta foi a principal vítima das agressões, “a murro, a pontapé e à bengalada”, mas também a mulher e as três crianças, a mais nova das quais com 18 meses. Duas são filhas e uma é sobrinha.


“Acabaram por sofrer no meio da confusão”, disse um vizinho. As vítimas foram  transportadas de ambulância para o Centro Hospitalar do Alto Minho, em Viana  do Castelo.  


“Ouvi uma grande gritaria, mas nem liguei”, disse ao CM um vizinho. Outro morador disse ao nosso jornal que “ela até já tinha mudado as fechaduras, porque ele  já andou no fim--de-semana a rondar”. “Só tenho pena pelas crianças”, acrescentou. O agressor vive separado da mulher há mais de um ano, mas oficialmente  ainda estão casados. Anteontem, o homem já teria tentado ver os filhos, mas foi interceptado pela GNR que há muito o procurava para o notificar de um despacho  do tribunal.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)