Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

Agrediu para roubar argola

Tem apenas 18 anos mas é já conhecido da GNR de Sintra pela violência que emprega nos assaltos. Anteontem, o jovem assaltante foi detido por mais um roubo com agressão a um miúdo de 16 anos. Só este ano, já foi apanhado duas vezes, mas o tribunal devolveu-o sempre à liberdade.
7 de Junho de 2006 às 00:00
Agrediu para roubar argola
Agrediu para roubar argola FOTO: Sérgio Freitas
Residente no problemático bairro do Casal de São José, em finais do ano passado os pais viram a GNR entrar-lhes em casa para procurar material roubado. O filho era suspeito de vários roubos, mas as autoridades não encontraram provas na habitação.
Meses depois, o rapaz acabou por ser apanhado pelos militares do Núcleo de Investigação Criminal da GNR de Sintra. Ele, o irmão e um amigo tinham feito um roubo com grande violência a um jovem que circulava na rua. Presente a tribunal, o assaltante regressou a casa com a condição de se apresentar três vezes por semana no posto da GNR mais próximo da sua casa, o de Mem Martins.
Na última sexta-feira, o jovem voltou ao ataque. A argola de um miúdo de 16 anos que vinha da escola, em Mem Martins, chamou-lhe a atenção. Segundo uma fonte policial, o assaltante arrancou-lhe o brinco com grande violência. “Ao murro, ao pontapé e, ainda, com a ameaça de uma faca, também lhe roubou uma bolsa com dois telemóveis”. disse.
Uma equipa do Núcleo de Investigação Criminal foi para o terreno e, três dias depois, apanhou o principal suspeito. Além do reconhecimento por parte da vítima, o assaltante trazia na orelha a argola que arrancou ao jovem estudante.
O suspeito foi ontem presente a tribunal. Mais uma vez regressou para casa. Tem de apresentar-se todos os dias à GNR.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)