Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
5

Agride e ameaça matar pai e mãe

Operário da construção civil, de 37 anos, foi condenado a pena suspensa, em dezembro do ano passado. Em dois anos, os pais já apresentaram 20 queixas.
17 de Março de 2014 às 12:23
Asdrúbal Ramos e a mulher, Beatriz, vivem aterrorizados com as agressões do filho
Asdrúbal Ramos e a mulher, Beatriz, vivem aterrorizados com as agressões do filho FOTO: CMTV

António Ramos já tem cerca de duas dezenas de processos por agressões e ameaças aos pais, mas o perdão dos progenitores e de dois militares da GNR livraram no da prisão, em dezembro do ano passado. António levou pena suspensa, comprometendo-se a efetuar um tratamento ao álcool, mas, três semanas depois, voltou a beber e a agredir e ameaçar matar os pais. O operário da construção civil, de 37 anos, foi detido, anteontem à noite, pela GNR e deverá ser presente ao Tribunal de Estarreja.

Ao início da noite de anteontem, em Pardilhó, Estarreja, Asdrúbal Ramos, de 64 anos, e a mulher Beatriz, de 68, foram mais uma vez surpreendidos pela fúria de António, que até estava proibido pelo tribunal de ir a casa dos pais. "Insultou-nos, tentou agredir-nos, ameaçou matar-nos e até expulsar-nos da nossa casa", explicou ao CM Asdrúbal Ramos.

A GNR foi chamada ao local e António foi detido, já depois de também ter tentado agredir os guardas. "Há duas semanas, tentou cortar-me o pescoço com uma catana. Por sorte, apareceu outro filho meu e conseguiu impedir a tragédia", acrescentou a vítima. No historial violento de António, contam-se várias agressões aos militares da GNR. "Numa das vezes que a Guarda foi chamada, ele mordeu um GNR numa perna e outro numa mão", recordou Asdrúbal.

O casal confessa que tem medo de estar em casa sozinho, porque nada detém António. "Só queremos que alguém faça alguma coisa por ele e por nós, porque se ele deixar de beber é boa pessoa", frisou Asdrúbal.

António Ramos construção civil Estarreja família pai mãe casal Asdrúbal Ramos Beatriz
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)