Águas na bacia do Tejo baixaram mas mantêm-se recomendações

Rio Alviela galgou as margens e invadiu campos no distrito de Santarém.
Por Lusa|11.03.18
Os níveis das águas na bacia do Tejo registam este domingo uma "ligeira descida" devido ao decréscimo nos caudais lançados pelas barragens, mantendo-se, contudo, as recomendações feitas no sábado às populações ribeirinhas pela Proteção Civil.

Em comunicado divulgado este domingo, o Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Santarém afirma que, segundo a informação disponibilizada pela Agência Portuguesa do Ambiente (APA) e pela EDP Produção, os caudais descarregados no conjunto das barragens da Bacia do Tejo mantiveram-se abaixo dos 1.000 metros cúbicos por segundo ao longo da madrugada de hoje, prevendo-se a manutenção destes valores nas próximas horas.

"Na bacia hidrográfica do Sorraia, as barragens de Maranhão e Montargil continuam com capacidade de encaixe, não havendo qualquer descarga feita pelas mesmas", sendo que os caudais hidrológicos verificados no rio Sorraia se devem a precipitação decorrente nessa bacia, afirma o comunicado.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!