Águeda: PJ detém presumível incendiário

A Polícia Judiciária (PJ), através do Departamento de Investigação Criminal de Aveiro, comunicou esta terça-feira a detenção do presumível autor de, pelo menos, dois crimes de incêndio florestal, ocorridos na tarde de segunda-feira na localidade de Arrancada do Vouga, concelho de Águeda.
04.09.12
  • partilhe
  • 0
  • +
Águeda: PJ detém presumível incendiário
O suspeito actuou em locais distintos de modo a facilitar a propagação e a dificultar o combate às chamas Foto Nuno de Jesus

O suspeito, com recurso a papéis que previamente punha a arder e largava junto da vegetação seca, actuou em locais distintos de modo a facilitar a propagação e a dificultar o combate às chamas.

O detido, de 55 anos de idade, não tem qualquer ocupação profissional e não terá actuado racionalmente, tendo hábitos alcoólicos.

O detido vai ser presente a primeiro interrogatório judicial para aplicação das medidas de coacção.

A PJ já deteve 42 pessoas, durante este Verão, pela prática de crimes de incêndio florestal.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!
3 Comentários
  • De Onde pára a Justiça?04.09.12
    Presumível autor? A PJ é a melhor Polícia, e se o prendeu, não foi à toa! Pena: aspirar as cinzas de toda a área ardida! Estou farta de tantos "coitadinhos", e da impunidade que lhes dão!
    Responder
     
     2
    !
  • De Belita 04.09.12
    Os hábitos alcoólicos agora servem para esconder a malvadez destes animais? É alcoólico ,mas não ateou fogo à roupa dele,nem ao seu corpo!!!!
    Responder
     
     1
    !
  • De anónimo04.09.12
    Apanham-nos e o que é que lhes fazem? ficam á espera que voltem a fazer o mesmo
    Responder
     
     1
    !