Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

Obstetra que acompanhou 'bebé sem rosto' já respondeu por escrito à Ordem dos Médicos

Artur Carvalho foi suspenso depois de tornados públicos casos de malformações graves em bebés que não detetadas nas ecografias.
Francisca Genésio 13 de Novembro de 2019 às 17:03
A carregar o vídeo ...
Artur Carvalho foi suspenso depois de tornados públicos casos de malformações graves em bebés que não detetadas nas ecografias.
Artur Carvalho, o médico obstetra suspenso preventivamente pelo Conselho Disciplinar do Sul da Ordem dos Médicos, depois de o Correio da Manhã ter revelado o caso de Rodrigo, o bebé que nasceu com malformações graves, já se pronunciou, por escrito, sobre os processos de que é alvo.

"O médico tinha a possibilidade de não ser ouvido e pronunciar-se por escrito. Foi isso mesmo que fez", confirmou ao CM o presidente do Conselho Disciplinar, Carlos Pereira Alves afirmando desconhecer "o número de processos sobre o qual Artur Carvalho se pronunciou".

De acordo com o responsável do Conselho Disciplinar, há sete processos contra o obstetra em avaliação no órgão.

"Dois deram entrada há relativamente pouco tempo e é natural que o médico não se tenha pronunciado sobre esses dois em específico, mas certamente terá tempo para isso", acrescenta. Sem querer adiantar o teor da resposta do obstetra, Carlos Pereira Alves explica que a "averiguação prossegue" e que a seu tempo "tudo será devidamente esclarecido", realçando o elevado número de ações contra o médico, assim como a complexidade das mesmas.

O Conselho Disciplinar do Sul da Ordem dos Médicos reúne na terça-feira, às 18h00, para dar continuidade à investigação dos casos contra Artur Carvalho.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)