Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
4

Ex-atleta do Sporting de Braga morre após ser esfaqueado em rixa no Seixal

Vítima, de 31 anos, estava suspensa desde 2018 por ter acusado positivo num controlo anti-doping.
Miguel Curado e Magali Pinto 3 de Dezembro de 2020 às 13:33
ricardo jaquite
ricardo jaquite
ricardo jaquite

O homem que morreu esta quarta-feira no Hospital Garcia de Orta, em Almada, após ter sido esfaqueado numa rixa na Arrentela, no concelho do Seixal, era Ricardo Jaquité, ex-atleta do Sporting de Braga. A vítima, de 31 anos, estava suspensa desde 2018 por ter acusado positivo num controlo anti-doping realizado durante uma competição.

Ricardo Jaquité teve resultados de destaque no atletismo a nível nacional. Começou por competir em coletividades na Margem Sul do Tejo, transferindo-se depois para o Sporting Clube de Portugal. A sua especialidade era o triplo salto. A suspensão aplicada pela Federação Portuguesa de Atletismo tinha final previsto para 10 de fevereiro de 2021.

Tal como o CM noticiou ontem, Ricardo Jaquité morreu já no hospital, após ter sido esfaqueado por diversas vezes no tronco durante uma rixa ocorrida na rua Sociedade Filarmónica União Arrentelense.

A PJ de Setúbal já está a investigar o homicídio, sem que até agora se tenham registado detenções. 

Naide Gomes lamenta morte de Jaquité

A atleta portuguesa Naide Gomes lamentou já a morte do atleta, numa publicação na rede social Facebook.

Desculpa enganei-me a escrever o teu nome.. Jaquité

Publicado por Naide Gomes em Quinta-feira, 3 de dezembro de 2020
Ver comentários