Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
4

Prisão preventiva para todos os autores do tiroteio durante ajuste de contas no Seixal

Grupo detido em Paio Pires pelas autoridades, que desde a data do tiroteio tentavam localizar os suspeitos. 
Sofia Garcia 2 de Outubro de 2019 às 11:30
A carregar o vídeo ...
Grupo detido em Paio Pires pelas autoridades, que desde a data do tiroteio tentavam localizar os suspeitos.
Oito homens, com idades compreendidas entre os 18 e os 62 anos, ficaram em prisão preventiva após serem esta quarta-feira de manhã detidos por suspeitas de envolvimento no tiroteio de 27 de agosto, em Paio Pires, no Seixal. Estão indiciados dos crimes de homicídio qualificado, na forma tentada, de dano qualificado e detenção de arma proibida. 



O grupo foi detido pela Polícia Judiciária em Paio Pires e nos arredores. As autoridades tentavam identificar, localizar e deter os suspeitos desde a data do tiroteio.

A CMTV tem imagens exclusivas dos alegados envolvidos no tiroteio a serem encaminhados para as garagens do tribunal por vários inspetores da Polícia Judiciária, destacados para a operação. 

Os familiares dos detidos queriam entrar no tribunal mas foram impedidos.

Na sequência do tiroteio esteve um desacato numa cervejaria, no mesmo concelho. Naquela ocorrência a GNR foi chamada a pôr cobro a agressões violentas entre dois grupos de pessoas.

O tiroteio não provocou vítimas mas deixou em sobressalto e em clima de insegurança toda a população.

Recorde-se que na freguesia de Paio Pires fala-se em ajuste de contas entre dois grupos.
Paio Pires Paio Pires Seixal Polícia Judiciária crime lei e justiça prisão
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)