Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
4

Mulher degolada pelo companheiro com x-ato em Leiria. Filhos menores assistiram ao crime

Homem foi capturado no IC2, perto de Pombal, após despiste.
Paula Gonçalves, Isabel Jordão e Mário Freire 27 de Dezembro de 2019 às 21:50
Helena Anacleto, a vítima
Adilson Venâncio, o homicida
Mulher morta pelo companheiro em centro comercial de Leiria
Mulher morta pelo companheiro em centro comercial de Leiria
Mulher morta pelo companheiro em centro comercial de Leiria
Helena Anacleto, a vítima
Adilson Venâncio, o homicida
Mulher morta pelo companheiro em centro comercial de Leiria
Mulher morta pelo companheiro em centro comercial de Leiria
Mulher morta pelo companheiro em centro comercial de Leiria
Helena Anacleto, a vítima
Adilson Venâncio, o homicida
Mulher morta pelo companheiro em centro comercial de Leiria
Mulher morta pelo companheiro em centro comercial de Leiria
Mulher morta pelo companheiro em centro comercial de Leiria

Um mulher foi morta esta sexta-feira à noite pelo companheiro, de 35 anos, dentro do apartamento onde residiam, no Centro Comercial Maringá, em Leiria. 

Segundo o que o CM conseguiu apurar, o crime aconteceu num contexto de violência doméstica. 

Ao que tudo indica, a vítima morreu depois de ter sido agredida com um x-ato. A mulher foi encontrada degolada.

No momento do crime, os dois filhos menores deste casal brasileiro, de dois e cinco anos, estariam dentro da habitação e terão assistido a tudo.

O INEM foi mobilizado. Foram feitas manobras de reanimação, no entanto o óbito acabou por ser declarado no local.

O alerta foi dado às 21h02 pelo próprio autor do crime. Quando a PSP chegou ao local percebeu que o agressor, de nacionalidade estrangeira, se tinha colocado em fuga.

Acabou mais tarde por ser detido pela GNR no IC2, perto de Pombal, depois de se ter despistado. A Polícia Judiciária também já foi acionada.

Estiveram no local do crime, na Avenida Cidade de Maringá, os bombeiros municipais, a Viatura Médica de Emergência e Reanimação (VMER) e a unidade de psicólogos do INEM, num total de nove elementos e quatro viaturas.

Em atualização

Leiria questões sociais morte crime violência doméstica
Ver comentários