Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
5

13 crianças feridas em fogo junto a escola

Incêndio no Barreiro leva à evacuação da Escola do 2º e 3º ciclo Álvaro Velho.
13 de Março de 2017 às 10:37
Bombeiros do Barreiro combateram fogo junto à escola
Bombeiros do Barreiro combateram fogo junto à escola
Bombeiros do Barreiro combateram fogo junto à escola
Bombeiros do Barreiro combateram fogo junto à escola
A Escola do 2º e 3ª Ciclo Álvaro Velho, no Lavradio
A Escola do 2º e 3ª Ciclo Álvaro Velho, no Lavradio
A Escola do 2º e 3ª Ciclo Álvaro Velho, no Lavradio
Bombeiros do Barreiro combateram fogo junto à escola
Bombeiros do Barreiro combateram fogo junto à escola
Bombeiros do Barreiro combateram fogo junto à escola
Bombeiros do Barreiro combateram fogo junto à escola
A Escola do 2º e 3ª Ciclo Álvaro Velho, no Lavradio
A Escola do 2º e 3ª Ciclo Álvaro Velho, no Lavradio
A Escola do 2º e 3ª Ciclo Álvaro Velho, no Lavradio
Bombeiros do Barreiro combateram fogo junto à escola
Bombeiros do Barreiro combateram fogo junto à escola
Bombeiros do Barreiro combateram fogo junto à escola
Bombeiros do Barreiro combateram fogo junto à escola
A Escola do 2º e 3ª Ciclo Álvaro Velho, no Lavradio
A Escola do 2º e 3ª Ciclo Álvaro Velho, no Lavradio
A Escola do 2º e 3ª Ciclo Álvaro Velho, no Lavradio
Treze alunos da Escola do 2º e 3º Ciclo Álvaro Velho, no Lavradio, Barreiro, tiveram de receber assistência médica esta segunda-feira devido à inalação de fumos que resultou de um incêndio que deflagrou num canavial e num barracão de um terreno que fica junto à escola.
O proprietário do terreno em causa também teve de ser assistido no local.

"Treze alunos foram transportados ao hospital do Barreiro, 12 por inalação de fumos e um caso com um traumatismo na perna. São situações ligeiras, foram transportados por precaução ao hospital, mas não inspiram cuidados", afirmou à Lusa Bruno Loureiro, adjunto de comando dos bombeiros Sul e Sueste, do Barreiro.

Fonte do hospital do Barreiro confirmou à Lusa que deram entrada das crianças no serviço de urgência pediátrica. "Algumas já tiveram alta e sete estão em observação, mas são situações ligeiras e nenhuma irá ficar internada", disse.

Segundo o responsável dos bombeiros, foram ainda assistidas no local mais 15 pessoas também por inalação de fumos e alguns casos de ansiedade, entre eles o proprietário do espaço onde ocorreu o incêndio, mas "tudo casos muito ligeiros".

O alerta chegou pelas 8h52. O fogo alastrou rapidamente e o fumo invadiu o espaço escolar. Os onze alunos hospitalizados têm idades entre os 10 e os 14 anos e foram levados para o Hospital do Barreiro. Não terão ferimentos graves.

A escola foi evacuada, não se sabendo ainda quando poderão ser retomadas as aulas

Estiveram na ocorrência 38 operacionais, entre elementos dos bombeiros locais, PSP e porteção civil.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)