Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

ALERTA NO RÓTULO DE ALIMENTOS

Os rótulos dos alimentos vão ser alterados e, em breve, deverão incluir informação sobre as alergias e reacções adversas que os ingredientes do produto causam ao consumidor.
12 de Junho de 2002 às 22:26
Os produtos vão ter de indicar ingredientes que causam efeitos adversos
Os produtos vão ter de indicar ingredientes que causam efeitos adversos
O Parlamento Europeu aprovou ontem uma proposta de directiva da Comissão Europeia que vai modificar o conteúdo dos rótulo e propôs ainda a inclusão da mostarda, aipo e tremoços na lista de ingredientes alergénicos que terão de ter informação sobre o risco que podem originar.


Produtos que se juntam aos ovos, peixe, leite ou os cereais que contém glúten que no seu estado original ou derivado podem, segundo a União Europeia, causar alergias.


Jorge Morgado, da DECO, explicou ao Correio da Manhã que esta é, há muito, uma exigência do Movimento Internacional de Consumidores, por se tratar de uma verdadeira questão de saúde pública. “O glúten, por exemplo, causa alergia a milhares de pessoas, mas como não vem a indicação desse ingrediente no produto, muitas consumem-no sem saber”, refere. Isto porque segundo a legislação actual não é obrigatório que os ingredientes que constituem menos de 25 por cento do produto final figurem na etiqueta. Assim, com esta directiva da Comissão Europeia, que deverá ser aprovada até ao final do ano, esta norma deixa de figurar e os ingredientes que causam alergia ou outro efeito adverso, mesmo que tenham reduzido impacto no produto final, têm de ser identificados e dada informação sobre a sua reacção adversa.


“É muito importante que o consumidor tenha informação útil. Até porque hoje os produtos são muito transformados e os alimentos estão cada vez mais longe da matéria-prima inicial”, diz o responsável.


Num comunicado, o Parlamento Europeu refere que, por exemplo, neste momento, “para um produto que seja composto por menos de 25% de doce, não é obrigatório enumerar a fruta e o açúcar que compõem o doce”, o que pode, obviamente ser perigoso.

Lista negra

Para além de aprovar a alteração dos rótulos proposta pela comissão, os eurodeputados propuseram a inclusão do aipo e dos produtos derivados do aipo na lista de ingredientes alergénicos. O Parlamento quer ainda incluir na mesma lista a “ mostarda, frequentemente utilizada nas refeições preparadas e que pode provocar graves reacções anafilácticas, bem como o tremoço e a farinha de tremoço”.


Os avisos aos consumidores podem não ser limitados aos rótulos dos alimentos, uma vez que as bebidas alcoólicas podem também ser obrigadas a conter a informação sobre determinados ingredientes causadores de alergias.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)