Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal

ALERTA PARA SUBIDA DA TEMPERATURA

O calor está de volta. O Instituto Nacional de Meteorologia alertou ontem para uma nova subida das temperaturas, que podem chegar aos 40 graus. As elevadas temperaturas já se começaram a sentir e deverão prolongar-se durante uma semana.
11 de Setembro de 2003 às 00:00
Até agora, estão contabilizadas nove mortes provocadas pelo calor
Até agora, estão contabilizadas nove mortes provocadas pelo calor FOTO: Marta Vitorino
“Ainda é cedo para afirmar que se trata de uma vaga de calor. Talvez possa falar-se de uma vaga fraca-moderada. Vem aí um período de tempo quente, as temperaturas serão elevadas, mas nada comparado com o cenário do mês de Agosto”, afirmou ao CM, Ilda Novo, do Centro de Vigilância e Previsão do Instituto Nacional de Meteorologia.
“Trata-se de um período de tempo quente de mais para esta época do ano que já devia ser mais fresca”, adiantou a meteorologista, acrescentando que as previsões só devem atingir os 40 graus centígrados em determinadas regiões do País, particularmente no sul e interior.
Segundo a Direcção-Geral de Saúde (DGS), esta subida das temperaturas não necessita de um “alerta especial” por parte do Serviço Nacional de Saúde, “uma vez que não se prevêem efeitos significativos na saúde”.
A DGS revelou, por outro lado, que o número de mortes atribuídas à onda de calor que assolou Portugal, em Julho e Agosto, aumentou de quatro para nove. Segundo Jaime Botelho, coordenador do núcleo de codificação das causas de morte da DGS, 96 por cento das 322 conservatórias do País já enviaram para análise cerca de 20 mil certidões de óbito, tendo sido apurados nove falecimentos devido ao “golpe de calor”.
A subida das temperaturas prevista poderá também fazer renascer o risco de incêndios florestais.
“Vamos ter calor, ar seco e algum vento, pelo que as condições são favoráveis à rápida propagação de incêndios no caso destes deflagrarem, já que há também uma consequente diminuição da humidade relativa do ar”, precisou ainda Ilda Novo.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)