Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

Alunos carenciados vão ter livros de graça

O Governo anunciou esta sexta-feira que os alunos carenciados vão passar a ter manuais escolares gratuitos até ao final da legislatura (2009), no âmbito do apoio da acção social escolar.
28 de Abril de 2006 às 13:02
O secretário de Estado adjunto da Educação, Jorge Pereira, salientou que o pagamento total do custo dos manuais escolares será assegurado apenas às famílias que efectivamente necessitem desse apoio.
O anúncio foi feito durante a discussão parlamentar da proposta governamental e dos projectos de lei apresentados por PSD, PCP, Bloco de Esquerda e Verdes sobre a adopção de manuais escolares, que serão votados no Parlamento na próxima quarta-feira.
De acordo com informação avançada por Jorge Pereira, actualmente cerca de 30 por cento dos alunos que frequentam a escolaridade obrigatória necessitam do apoio da acção social escolar.
A proposta governamental visa assegurar às famílias carenciadas a gratuidade dos manuais escolares e outros recursos didáctico-pedagógicos que sejam formalmente adoptados para o ensino básico.
Ver comentários