Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal

Ameaça grávida com arma de fogo

Um indivíduo, encapuzado, de óculos escuros e empunhando uma arma de fogo assaltou a Munditransfers, uma casa de câmbios e transferência de dinheiro, situada na rua Mouzinho de Albuquerque, na baixa de Faro. A funcionária ameaçada está grávida e ficou de baixa.
30 de Abril de 2010 às 00:30
No espaço de dois meses, a sucursal de Faro da Munditransfers já foi alvo dos gatunos por duas vezes
No espaço de dois meses, a sucursal de Faro da Munditransfers já foi alvo dos gatunos por duas vezes FOTO: João Marujo

No momento do roubo, ao final da tarde de anteontem, cerca das 18h00, no estabelecimento comercial encontrava--se apenas uma funcionária, grávida de vários meses, que se limitou a obedecer às ordens do assaltante. Entregou-lhe uma quantia a rondar os mil euros.

O criminoso recolheu as notas e saiu a correr, sem que ninguém na vizinhança desse pelo ocorrido. Desconhece-se se tinha apoio de cúmplices na rua.

"Só percebi que algo de anormal tinha acontecido quando vi chegar um carro-patrulha da PSP", disse ao CM, um comerciante vizinho, que pediu o anonimato. "A funcionária, que tem uma gravidez já bem visível, estava muito abalada. Contou que o indivíduo a tinha ameaçado de forma muito intimidatória, com uma pistola, que exibiu através do buraco no vidro que serve para a entrega do dinheiro, e que fugiu logo que teve as notas na mão", contou a mesma fonte.

"A funcionária, a recuperar do susto, ontem não esteve ao serviço, metendo alguns dias de baixa", referiu o comerciante, que salientou o facto de este não ter sido o primeiro ataque ao estabelecimento. "Há cerca de dois meses, de madrugada, partiram o vidro da porta. O alarme tocou e fugiram sem nada levar", disse.

A Directoria do Sul da Polícia Judiciária está a encetar diligências para apanhar o assaltante.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)