ANTECIPADO FIM DO SERVIÇO MILITAR OBRIGATÓRIO

O Exército decidiu antecipar em dois meses o fim do Serviço Militar Obrigatório (SMO), o que acontecerá já no próximo domingo (dia 19), data a partir da qual passará a funcionar apenas com militares provenientes do regime de contrato e voluntariado.
14.09.04
  • partilhe
  • 0
  • +
ANTECIPADO FIM DO SERVIÇO MILITAR OBRIGATÓRIO
Foto Tiago Sousa Dias
Segundo noticia a edição desta terça-feira do jornal “Diário de Notícias”, num despacho assinado ontem, o Chefe do Estado-Maior do Exército, general Valença Pinto, determina que os jovens militares que estão a prestar o SMO não terão prolongada em mais dois meses a sua permanência nos quartéis.
De acordo com o porta-voz do Exército, tenente-coronel Vasco Pereira, citado pelo DN, a medida, que abrange todas as especialidades, representa “um sinal claro” de que o Exército “sente que está a funcionar bem com os 12 mil militares em regime de contrato e voluntariado que tem”.
Para este militar, este número de efectivos “permite ao Exército funcionar, não em pleno, mas com algum conforto”, uma vez que, assinala, “o óptimo seria ter cerca de 15 mil profissionais”. Assim sendo, o tenente-coronel Vasco Pereira admite ser “natural que existam algumas limitações” na vida interna do ramo durante os próximos meses.
Os militares que terminam o SMO no Exército no próximo domingo foram incorporados no passado dia 20 de Maio. Caso a data do fim do SMO não tivesse sido antecipada em dois meses, prestariam serviço no Exército até ao próximo dia 19 de Novembro.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!