Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
5

Apanhados explosivos

Militares do Destacamento da GNR de Peso da Régua apreenderam, na madrugada de ontem, a um automobilista cuja identidade e nacionalidade não foi revelada, dez quilos de gelamonite, um explosivo que é bastante usado pelas células terroristas que actuam em Espanha. Um responsável da GNR contactado pelo Correio da Manhã apenas disse que as investigações relacionadas com esta descoberta prosseguem, recusando-se a adiantar se existem quaisquer ligações do suspeito detido e identificado na operação com grupos terroristas.
3 de Setembro de 2007 às 00:00
Mais de uma centena de militares fiscalizaram condutores na região duriense
Mais de uma centena de militares fiscalizaram condutores na região duriense FOTO: Jorge Godinho
“Todas as hipóteses estão em aberto, mas tudo indica que se tratava de material transportado de forma ilegal e que se destinava à construção civil”, revelou a mesma fonte, acrescentando que “não há, para já, razões para alarmismo”, uma vez que a apreensão da gelamonite terá sido feita pelo simples facto do indivíduo identificado não estar na posse da guia de transporte obrigatória por lei.
Além da gelamonite, os militares da GNR apreenderam, ainda ao mesmo suspeito, numa operação de rotina, 27 detonadores, e 57 metros de cordão detonante. “Os explosivos apreendidos davam para provocar enormes estragos se fossem usados para fins terroristas”, admitiu um militar da Guarda que participou na operação.
Além dos explosivos, as autoridade detiveram ainda três pessoas com taxas crime de álcool e duas por conduzirem sem carta. Foram igualmente apreendidas a dois condutores três pistolas ilegais de calibre 6,35 milímetros.
Em relação às armas de fogo, duas foram apreendidas em Peso da Régua, e uma em Alijó. Nestas duas localidades e ainda na sequência da mesma operação, que se estendeu por toda a região duriense, as autoridades acabaram por apreender “algumas gramas de haxixe e de heroína ”.
Os dois indivíduos detidos por condução ilegal residem em Mesão Frio e Peso da Régua. Na acção estiveram envolvidas equipas de protecção da natureza da GNR, que levantaram nove autos de contra-ordenação relativos a crimes contra o ambiente no valor de sete mil euros.
Na operação estiveram envolvidos mais de 100 militares afectos aos postos de Mesão Frio, Régua, Alijó, Santa Marta de Penaguião e Pinhão. Os detidos serão amanhã presentes a tribunal.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)