Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
4

Aparelho de teleassistência e PSP salvam mulher vítima de violência doméstica

Homem de 43 anos arrombou a porta da casa onde a ex-mulher vive com os filhos e agrediu-a.
João Carlos Rodrigues 27 de Novembro de 2022 às 10:25
Botão de teleassistência (ou pânico)
Botão de teleassistência (ou pânico) FOTO: Direitos Reservados
Um homem de 43 anos arrombou a porta da casa onde a ex-mulher vive com os filhos e agrediu-a, na terça-feira. Valeu à vítima a rapidez e capacidade para ativar o aparelho de teleassistência (alarme), que levou ao rápido acionamento de uma patrulha da PSP de Loures que estava nas proximidades.

O agressor ainda tentou fugir do local quando se apercebeu do alerta, mas foi intercetado pelos agentes policiais, que o detiveram. Foi presente a tribunal e perante as provas recolhidas e o depoimento da vítima o juiz de instrução não teve dúvidas em aplicar, desta vez, a prisão preventiva.

PSP Loures crime lei e justiça questões sociais
Ver comentários
C-Studio