Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

APREENSÃO DE MATERIAL CONTRAFEITO

Peças de roupas de marcas caras, DVD e CD contrafeitos, no valor de 32,5 mil euros, foram apreendidos nos últimos dias pelo Destacamento da Brigada Fiscal da GNR de Portimão, em acções desenvolvidas em mercados mensais no Algarve e Baixo Alentejo.
28 de Agosto de 2004 às 00:00
Segundo apurou o Correio da Manhã, uma dezena de militares daquela força de segurança passou a pente fino os mercados de Vila Nova de Milfontes, Lagos e Alvor, tendo apreendido 1300 peças de roupa, que ostentavam marcas famosas, como Adidas, Lacoste, Nike, entre outras.
Cinco pessoas foram identificadas como vendedoras deste material, avaliado em 25 mil euros.
Os elementos da Brigada Fiscal conseguiram ainda ‘deitar a mão’ a 350 DVD piratas, incluindo filmes muito recentes, alguns dos quais ainda nem sequer estrearam nas salas de cinema, bem como a 400 CD. O valor destes artigos ronda os 7500 euros. Dois indivíduos foram sujeitos a identificação.
Nesta altura do ano, os mercados e feiras realizados em zonas de grande procura turística merecem uma particular atenção das autoridades, porquanto a experiência de anos passados revela que são normalmente aí vendidos muitos artigos contrafeitos.
AUTORIDADES COMBATEM PIRATARIA
Ao longo dos últimos meses, as autoridades têm efectuado um significativo número de apreensões de material contrafeito, um pouco por todo o país.
Exemplo disso foi o que aconteceu no passado mês de Julho, altura em que a Brigada Fiscal (BF) de Évora surpreendeu um feirante que se preparava para vender no mercado municipal de Portalegre mais de três mil peças de roupa de marcas conceituadas, no valor de mais de 36 mil euros.
Ainda no decurso do referido mês, a BF detectou um veículo junto a Penacova com roupa contrafeita no valor de 40 mil euros, enquanto numa loja de Lisboa foram descobertas dezenas de malas e carteiras, que renderiam 35 mil euros.
Por outro lado, é cada vez mais frequente a descoberta de DVD e CD piratas. Ainda há pouco tempo, elementos da BF confiscaram 1450 DVD e 260 CD, avaliados em mais de 76 mil euros, a um indivíduo que regressava numa viatura da Feira do Relógio, em Lisboa.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)