Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

Arguido conhece sentença hoje

O Tribunal de Viana do Castelo lê hoje a sentença de Carlos Alberto, acusado pelo Ministério Público de ter regado a companheira com álcool e depois lhe atear fogo.
6 de Julho de 2009 às 00:30
Carlos Alberto, à saída do tribunal
Carlos Alberto, à saída do tribunal FOTO: Rrui Oliveira

Na última audiência, o colectivo de juízes decidiu mudar o teor da acusação. O arguido, de 47 anos, que estava acusado de homicídio, será agora julgado por ofensas corporais agravadas à companheira, Lúcia Gomes, de 46 anos, que acabou por morrer no hospital após dois meses em coma, em 2007.

O Tribunal considerou que o arguido não queria matar a vítima, apesar de a querer magoar.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)