Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

Arquitecto bate em carros e foge

Emídio Dias da Fonseca, arquitecto e um dos responsáveis pelo gabinete de Estudos Urbanísticos da Câmara de Matosinhos, abalroou ontem dois carros que estavam estacionados na rua Alfredo da Cunha e fugiu. Nem o facto de o acidente ter acontecido junto da esquadra da PSP de Matosinhos demoveu o homem de abandonar o local. Arrancou a toda a velocidade no seu Smart e meteu o carro na garagem de sua casa, a cerca de 50 metros do local do embate.
2 de Maio de 2009 às 00:30
À tarde, Emídio Dias da Silva abriu o portão de sua casa para que o seu Smart acidentado saísse. O carro danificou duas viaturas, uma delas um Polo empurrado para o passeio.
À tarde, Emídio Dias da Silva abriu o portão de sua casa para que o seu Smart acidentado saísse. O carro danificou duas viaturas, uma delas um Polo empurrado para o passeio.

Emídio Dias da Fonseca, que já foi chefe da Divisão de Gestão Urbanística e Obras Particulares da autarquia nos mandatos de Narciso Miranda e de Guilherme Pinto, fez quatro testes de alcoolemia na presença da PSP, mas "não conseguia soprar", contou uma testemunha ao CM. O homem foi levado por uma patrulha ao Hospital Pedro Hispano, em Matosinhos, onde foi submetido a uma recolha de sangue. O resultado desse teste de alcoolemia só deverá ser conhecido dentro de, pelo menos, um mês.

Tudo aconteceu cerca das 13h30. O arquitecto tinha acabado de passar em frente à esquadra, nas traseiras do edifício da Câmara Municipal, quando, após passar um cruzamento, o Smart que conduzia embateu num Volkswagen Polo e num Nissan. Ambas as viaturas foram projectadas para cima do passeio, sendo que o Nissan ficou danificado na traseira e na frente, já que com o choque acabou por embater num pequeno muro que ladeia o parque de estacionamento da PSP de Matosinhos.

Segundo testemunhas contaram ao CM, o acidente ocorreu quando dois polícias estavam no parque de estacionamento. De imediato seguiram no encalço do arquitecto, que se fechou em casa após ‘esconder’ o seu carro na garagem. No local, gerou-se a confusão. "Foi uma vergonha. Parecia que a polícia lhe estava a dar tratamento VIP por ser alguém da Câmara. Mas, depois de toda a gente reclamar, lá lhe tentaram fazer o teste", disse uma testemunha.

PORMENORES

IRMÃO DE VEREADOR

A família Dias da Fonseca é bastante conhecida em Matosinhos. Emídio é irmão de José Manuel, ex-vereador da Cultura de Matosinhos e actual administrador de uma empresa do grupo Sonae.

PROBLEMAS COM ÁLCOOL

Ao que o CM apurou, o arquitecto já foi sujeito a vários tratamentos para desintoxicação de álcool.

QUATRO TESTES

A PSP tentou quatro vezes que o condutor ‘soprasse’ ao balão, mas sem sucesso.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)